sexta-feira, 8 de julho de 2011

Festa Caipira na igreja? Tá certo ou tá errado?

Todo ano é sempre a mesma polêmica em relação as festas "caipiras" nas igrejas evangélicas. É uma tal de "Festa Julina", "Festa Sertaneja", "Caipiras de Cristo" e por aí vai.

Muitas vezes as festas se assemelham as tradicionais "Festas Juninas e Julinas", só faltando o quentão, o casamento caipira e o "santo". Então é um tal de pôde e não pôde, de tá certo e tá errado. Qual a diferença de ir em uma festa dos "santos" e da minha igreja evangélica?

"Porém se alguém vos disser: Isto é coisa sacrificada a ídolo, não comais" I Coríntios 10:28Também acho que não sou dono da verdade. Mas a Palavra de Deus, essa sim é a verdade.

O apóstolo Paulo deixou uma mensagem bem interessante a igreja de Corinto a respeito dos limites da liberdade cristã."Comei de tudo o que se vende no mercado, sem nada perguntardes por motivo de consciência; porque do Senhor é a terra e sua plenitude." I Coríntios 10:25-26.

Amados, quantas vezes somos confrontados por pessoas contrarias as festas caipiras evangélicas. Com declarações como: É tudo igual! É pecado! É festa pagã! São João Gospel é do diabo, etc.

Mas existem diferenças importantes que distanciam uma festa evangélica das demais. De início podemos destacar o objetivo da festa. Enquanto as tradicionais querem celebrar as datas dos santos católicos, a festa evangélica quer trazer diversão e comunhão entre irmãos da comunidade.

Outra diferença está em relação as músicas. Nas festas evangélicas o som é para louvar a Deus em vários estilos inclusive o sertanejo. As tradicionais, tem músicas típicas em algumas festas, e em outras toda sorte de ritmos e estilos.Beber para esquentar?

Sim, as festas acontecem no inverno e é bom beber pra esquentar um pouquinho. Em uma festa você encontra o famoso quentão pra esquentar. E em outra o crentão, que é a bebida sem álcool. Mas também é encontrado o bom e velho chocolate quente nas festas dos dois lados comparados.

Mas as festas evangélicas ainda ganham uma importância maior quando existe dentro dela um trabalho evangelístico. Essas festas são realizadas fora da igreja, tendo um chamariz popular que atrai os amantes da paçoquinha ao chocolate quente.

Após ler esses versículos, entendo a razão das igrejas evangélicas de realizar as festas caipiras. Quantas vezes ouvimos falar de alguém, ou até mesmo alguns de nós comemos coisas sacrificadas a ídolos participando de festas que não agradam a Deus?
Quando fazemos isso ultrapassamos o limite que Paulo escreve a igreja de Corinto. Uma festa de São João não é nosso lugar. Lá as pessoas não estão celebrando Cristo, mas um outro nome que não há salvação.

Se somos lavados no sangue do Cordeiro de Deus por que celebraremos outro nome? Se você tem frequentado festas que não tem Cristo sendo celebrado, saia o mais rápido que puder.

Agora por que não podemos celebrar e louvar a Deus nesses dias em que as outras pessoas celebram seus santos?

Devemos ficar dentro de nossas igrejas e louvar bem quietinhos a Deus, ou no dia que não tem culto ficar em casa debaixo do cobertor pra esquentar do frio?

Creio que não. Vamos fazer festa! Deus é Deus de festa, de celebração. Qual a melhor oportunidade de saborear uma paçoquinha, pipoca, doce de leite, cachorro quente, algodão doce, amendoim, kafta, chocolate quente e tantos outros quitutes ?

Saborear tudo isso e ainda em comunhão com os irmãos, e louvando a Deus é bom demais!Viva na liberdade de Cristo, e vamos celebrar nossa comunhão com Cristo e os amados irmãos. Onde será a próxima festa julina evangélica?

No amor de Cristo

3 comentários:

  1. MUITO BOM! Eu acredito que Deus criou o homem e deixou o manual de instrução, a “BÍBLIA SAGRADA!” A bíblia é a divina revelação da palavra de Deus e não produtos enlatados, eu costumo dizer que: “As pessoas precisam parar de comer tudo o que dão. E começar a questionar! ” Alguém escuta alguma coisa de alguém, e saem falando, sem questionar, sem saber se é verdade ou não. As pessoas precisam se perguntar! Será que a minha crença esta de acordo com a lei de Deus? Será que a religião que eu nasci sempre me falou a verdade? Quando uma pessoa morre pra onde ela vai? Ela volta? A bíblia apóia o homossexualismo? Quem não herdara o reino de Deus? O que devo saber sobre idolatria, imagens e escultura? O que devo saber sobre o único batismo? Será que tem uma seqüência para salvação? A quem eu devo me confessar, quem pode me perdoar? Religião salva alguém? Essas e outras perguntas e respostas em:
    www.aunicaverdadeemsuapropriabiblia.blogspot.com
    Você pode dizer, eu já sou salvo amém! Vamos atrás de quem não esta, divulgue este site, porque: “Eis que vêm dias, diz o Senhor Jeová, em que enviarei fome sobre a terra, não fome de pão, nem sede de água, mas de ouvir as palavras do Senhor. E irão vagabundos de um mar até outro mar, e do norte até ao oriente; correrão por toda parte, buscando a palavra do Senhor, e não a acharão." ( Amós cap 8 ver 11 e 12 )Fale para outras pessoas, por que “O Senhor não retarda a sua promessa, ainda que alguns têm por tardia: mas é longânimo para convosco, não querendo que alguns se percam, senão que todos venham a arrepender-se.” (II Pedro cap. 3 ver 8) e “Que quer que todos os homens se salvem, e venham ao conhecimento da verdade. Porque há um só Deus, e um só Mediador entre Deus e os homens, Jesus Cristo o homem. (I A Timóteo cap 2 ver 5 e 6)
    Seja sua bíblia, católica ou evangélica, aqui você vai tirar suas duvidas.
    www.aunicaverdadeemsuapropriabiblia.blogspot.com
    E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertara (João cap 8 ver 32) Se você tiver coragem de perguntar, a bíblia terá coragem de responder!

    ResponderExcluir
  2. me desculpe! más não concordo com culto caípira nas igrejas ,as moças se pintando o rosto em cima do púlpito da igreja,o rosto delas mostra como uma prostituta.Já estão adotando boate gospel para os crentes,só falta criar uma zona cristã para os irmãos não precisar de buscar fora .As igrejas precisa sim é de passar por uma reforma que tenha crescimento espiritual para que possa experimentar qual seja boa e perfeita vontade de Deus em nossas vidas.

    ResponderExcluir
  3. Oi! Paz do Senhor. Meu nome é Vinícius, tenho 17 anos e frequento a Igreja Batista da Lagoinha em Itabirito. Faço parte de um ministério de Jovens bem alegre, divertido e baseado na palavra de Deus. Aprendemos que diversão não é sinônimo de pecado. É possível se divertir, e muito, dentro da Palavra e da presença de Deus, sem percarmos!

    A questão é que as pessoas confundem, sem mesmo querer saber mais do que se trata uma Festa Caipira. Ser caipira é pecado? Não né! Se for, teremos muitos irmãozinhos e irmãzinhas por esse interior do Brasil a fora que não irão conhecer a Nova Jerusalém.
    As Festas Caipiras, os Arraiás de Cristo ou as Festas Cristãnejas são apenas temas de festas evangélicas. Os irmãozinhos la da roça não podem fazer festa? É o estilo de vida deles! São comidas típicas do lugar, roupas da região, músicas do estilo caipira (sertanejo gospel, forró gospel...).

    Em relação à esses estilos de adoração: Um grande levita e adorador, João Alexandre, escreveu um livro que se chama "Músico: profissão ou ministério?" em que ele fala disso. Não existe um estilo santo nem um estilo maligno. O que faz a diferença é quem usa, como e pra quê está usando. Uma faca na mão de um açougueiro é uma ótima ferramenta, mas e na mão de um assassino?
    O que importa é a intenção de cada atitude nossa. Se estamos ou não agradando a Deus, se estamos ou não fazendo pra Ele, se é para engrandecê-lo ou para entristecê-lo. O nosso Deus é deus de alegria, de celebração, de festa. Basta saber festeja à luz da Palavra.

    Em relação à maquiagem e às roupas das irmãs: Isso vem de cada uma delas. Só o Espírito Santo que convence do pecado e do juízo. Não temos direitos de julga-las não. Todos nós temos um defeito.
    E para vocês irmãzinhas de Cristo, na bíblia, o manual da vida, Paulo diz em Felipenses 4.8: "Por último, meus irmãos, encham a mente de vocês com tudo o que é bom e merece elogios, isto é, tudo o que é verdadeiro, digno, correto, puro, agradável e decente." Basta chegar na frente do seu espelho e perguntar pro Espírito Santo: "A minha maquiagem, a minha roupa e o meu cabelo estão te agradando?" Se realmente o sente ai dentro de você, tenho certeza que Ele vai te incomodar se algo estiver errado.

    Concluindo, creio que não há nada de errado em festas caipiras, desde que o propósito seja edificante, siga os conceitos cristãos e agrade o nosso Deus! Basta apenas vigiar! E é importante que a liderança ore e converse com a igreja para que as intenções dos participantes sejam apenas se divertir na presença de Deus, e que nenhum pensamento de pecado possa estar presente durantes estas festas!

    ResponderExcluir